foto 21 (2)

Os discos de vinil, a vitrola e os toca-discos tem voltado com tudo à moda. Deixados de lado por muitos anos, esses objetos retornam em grande estilo às casas, proporcionando momentos de lazer, descontração e uma deliciosa nostalgia.

Porém, ao tirar do fundo do baú aqueles antigos discos de vinil da sua casa, muitas vezes alguns deles podem estar danificados de maneira irreversível, por conta principalmente do armazenamento por longos períodos. Mofo, empenamento, riscos ou rachaduras podem tornar os bolachões inutilizados para serem tocados e ouvidos. Mas não precisa jogá-los fora só por isso! Basta reaproveitá-los para deixar os ambientes ainda mais bacanas e diferentes.

Para os vinis que ainda puderem ser ouvidos, as vitrolas retrô, são também um maravilhoso objeto de decoração, além de úteis e incrivelmente prazerosas para quem é apaixonado por música.

As possibilidades de decoração com os LP´s são infinitas. Aí vão algumas dicas de aplicações desses objetos retrô que tem um ar cada vez mais moderno:

Parede: que tal substituir os tradicionais quadros por discos de vinil? Disponha-os próximos uns dos outros de maneira irregular em uma das paredes de um ambiente da sua casa. O resultado é surpreendente!

foto 21 (1)

Relógios: transforme os discos em relógios de parede para sua casa e também para presentear. Basta comprar os kits com as máquinas de relógio – que são bem em conta – montar a peça, e pronto! Eles ficam ainda mais bacanas com vinis coloridos.

Descanso para copos: aqueça o vinil e recorte em volta do selo central. Depois, basta passar um verniz para impermeabilizar.

Jogo americano: para fazer um jogo americano com discos, basta recortar um tecido em tamanho maior que o do vinil, passar cola branca de um lado do bolachão, aplicar o tecido e recortar as sobras. Repita o processo do outro lado. Após a secagem (que pode ser acelerada com o uso de um secador frio ou quase frio), aplique verniz próprio para impermeabilizar ou a própria cola branca, que também proporciona o mesmo efeito.

Tigela: aqueça a superfície do vinil com água quente ou mesmo levando-o rapidamente ao forno até que fique maleável. Depois, é só moldá-lo com cuidado em forma de tigela, e usar como fruteira, porta-trecos, ou o que você quiser. Se quiser, dobre apenas as partes arredondadas das beiradas, e transforme o vinil em uma divertida bandeja. Mãos à obra!

Fonte: Blog o Ambiente Ideal